Categorias
Sem categoria

Enquanto Pequim e Hong Kong enfrentam o segundo ataque de coronavírus, quarentena fica séria | South China Morning Post

https://www.scmp.com/news/china/society/article/3075880/beijing-hong-kong-face-second-coronavirus-onslaught-quarantine

Enquanto Pequim e Hong Kong enfrentam o segundo ataque de vírus, a quarentena fica séria

“Um indivíduo que não apresenta sintomas até o 14º dia de quarentena tem uma probabilidade muito baixa de estar infectado ou de causar um risco de infecção para outras pessoas”, disse ele. Fang Tianyu, um estudante de Pequim cuja escola secundária de Boston foi fechado devido a epidemia, voltou para casa no sábado passado. Ele chegou antes que as últimas regras entrassem em vigor e conseguiu colocar em quarentena na casa, em vez de um alojamento designado. Propaganda

Fang voou com a Hainan Airlines e passou cerca de quatro horas passando pelo controle de fronteiras e exames de saúde no aeroporto, antes de ser liberado em um ponto de processamento de quarentena. Ele foi escolhido pelos pais e está com eles.

Um membro da equipe em equipamento de proteção em uma estação de verificação de temperatura no saguão de chegada ao Aeroporto Capital de Pequim.  Foto: Reuters

Um membro da equipe em equipamento de proteção em uma estação de verificação de temperatura no saguão de chegada ao Aeroporto Capital de Pequim. Foto: Reuters

Se ele pudesse fazê-lo novamente, disse Fang, ele escolheria a opção agora obrigatória de ficar em um hotel para proteger seus pais.

“Eu acho que teria sido muito mais responsável. Tenho amigos que optaram por ir a um hotel quando poderiam ter voltado para casa, porque moram com os avós ”, afirmou.

Fang passou seu aniversário de 19 anos em quarentena, comemorando com uma cerveja Corona e uma tigela de bolinhos de massa. Ele brincou que a quarentena era uma ótima desculpa para não socializar com as pessoas.

Fang disse que havia guardas em seu complexo residencial e que os vizinhos também estavam vigilantes. Ele é obrigado a enviar sua temperatura a um trabalhador da comunidade todos os dias e os guardas lhe trazem entregas e comida para levar enquanto ele não tem permissão para sair de seu apartamento.

Fang disse que estava ciente de um grupo WeChat para residentes e eles conversaram sobre ele como a pessoa que retornara dos EUA. “Tenho certeza de que metade do meu complexo residencial sabe que voltei de um país estrangeiro”, disse ele.

O governo municipal de Pequim introduziu um aplicativo chamado Health Bao, ou Health Treasure, que gera o status de um usuário como “vermelho: sob observação centralizada”, “laranja: observação em casa” ou “verde: normal”. Geralmente, há funcionários em áreas públicas e complexos de apartamentos que verificam o status das pessoas antes da entrada ou saída.

If they find someone under observation who is not supposed to be outside, staff are directed to call the Centre for Disease Control or the person’s residential compound.

The app uses data collected by the CDC and various residential compounds in Beijing. While it is not mandatory, it makes the movement of residents within the city more convenient, according to the municipal government.

Coronavirus: Which countries and regions in the world are most at risk in the Covid-19 pandemic?

Despite his long wait at Beijing’s Capital Airport, Fang said he knew of others who had worse experiences. A friend of his was in mid-air when the rules changed, arriving to an eight-hour wait at the airport.

Fang said the greater awareness of the disease in China – compared to the US and Canadian airports he travelled through on his way home – was clear. No airport staff had been wearing protecting gear in either Boston or Toronto, he said.

“Several border control agents in the US got infected, which I think they should have seen coming, because they were at international airports and not wearing protection,” Fang said.

Funcionários do aeroporto em trajes de proteção no Aeroporto Capital de Pequim.  Foto: Bloomberg

Airport employees in protective suits at Beijing’s Capital Airport. Photo: Bloomberg

There have been reports of coronavirus infections among airport staff and TSA agents across the US, including in Atlanta, Orlando and Fort Lauderdale.

While the mainland and Hong Kong ramp up quarantine and social distancing rules to try and contain the virus, it is now a pandemic and may be here to stay, Tam said.

“The prevailing view is that it’s unlikely the transmission can be reduced to a level where the virus will not become entrenched in the human population, as was done with Sars.”

trazido a você pela SCMP Research e desfrute de um desconto de 20% (preço original de US $ 400). Este novo relatório de inteligência de 60 páginas fornece insights e análises em primeira mão dos mais recentes desenvolvimentos e informações da indústria sobre a IA da China. Obtenha acesso exclusivo aos nossos seminários on-line para aprendizado contínuo e interaja com os executivos de IA da China nas perguntas e respostas ao vivo. Oferta válida até 31 de março de 2020.

Este artigo foi publicado na edição impressa do South China Morning Post como: restrições de quarentena levantadas no meio da segunda onda de vírus

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s